9 de jul de 2013

DRAGÃO DO SUL SE REAPRESENTA PARA "JOGO DO ANO"

Depois da derrota inesperada de 3 a 0 para a Catuense, no último domingo, no estádio Antônio Carneiro, os jogadores do Itabuna têm reapresentação marcada para esta terça-feira, 09, no Itabunão, quando iniciam as atividades para o jogo de volta contra a própria equipe de Alagoinhas, domingo, 14, às 16:00h, no estádio Luiz Viana Filho.

Para garantir sua classificação e, automaticamente à volta a elite do futebol da Bahia em 2014, o Itabuna tem por obrigação, também vencer por no mínimo, três gols de diferença. Se não for assim, adeus primeira divisão no ano que vem para o Dragão do Sul.

O técnico Rodrigo Fonseca (foto) considerou que o Itabuna até que se portou bem no campo de jogo. Apesar do resultado “elástico” negativo, o treinador do time itabunense fez elogios a algumas jogadas e lamentou o gol logo no inicio, antes dos 2 minutos de partida, através do atacante Nem, gol este que foi sentido pelo elenco, que mesmo assim tentou uma reação, mas sem sucesso, quando novamente foi surpreendido, mais uma vez pelo artilheiro Nem (ex-Itabuna), antes dos 20 minutos do primeiro tempo.

Criticado por parte da imprensa e alguns torcedores por causa do esquema fechado no meio-campo com a escalação de três volantes (Marcelo Santos, Cláudio e Jéfiton), o treinador disse que sua ideia era neutralizar a posse de bola do adversário, logo no meio-campo, mas que não foi assimilado pelos seus comandados, que falharam em praticamente todos os gols, sendo que o último foi de cabeça através do jogador Jajá, aos 46 minutos do segundo tempo.

Como o Itabuna precisa de uma grande vitória, certamente Rodrigo Fonseca irá trabalhar com uma formação mais ofensiva em busca do triunfo logo no inicio da partida, encurralando o time da Catuense.

Nenhum comentário:

Postar um comentário